Social icons

Update 9

1. Isto de trabalhar é bom...por um lado. Ver toda a gente a poder ir para a praia/rio e sair à noite e eu ter de acordar todos os dias às 8h e trabalhar até ao final da tarde tem muito que se lhe diga. Só de pensar que ainda falta um ano para ter férias...

2. Tenho imensos outfits para vos mostrar mas não o posso fazer para já por dois motivos. Primeiro, para cada um deles tenho em mente um cenário mas como chego tarde a casa não tenho tempo nem paciência para tirar fotografias, muito menos na rua e sem ninguém para me ajudar. Segundo, a minha irmã levou o carregador da minha máquina por engano, ou seja, nada de máquina por uns dias.

3. O blog tem uma nova parceria. Curiosas/os?

4. Olhem só este belíssimo trabalho da Emmy Curl. Não está lindíssimo? E a melhor parte é que a Emmy se inspirou em mim para o desenhar. Não podia ter ficado mais feliz...



SHOP: Summer Dresses


Ainda não tinha mostrado as minhas novas aquisições: dois vestidos super fresquinhos da Primark - e duas peças que nunca pensei comprar, isto porque o primeiro é rosa choque (mas é incrivelmente bonito)  e o segundo é o estilo romântico na sua versão mais pura (o que andava a tentar evitar porque se já sem ele vestido não me dão a idade que tenho, com ele dão-me muito menos).
No entanto, gosto bastante deles. Já usei e abusei do rosa. Quanto ao branco, ainda estou à procura de novas formas de o usar.


O Conselho



- Faz o que sentes e será verdadeiro!

E desde essa tarde pacata passada na esplanada no café Azeitona que começou a enfrentar o mundo de outra maneira. Para quê pensar? Pensar em demasia faz mal à saúde e só nos impede de viver com intensidade. Mas nem tudo é tão linear. O mundo não está preparado para a espontaneidade. Tomara ela fazer sempre o que sente. Talvez assim parasse de viver na insegurança e de sentir dores de barriga, todas as noites antes de adormecer.

(apenas um pequeno texto que se encontrava perdido no meu computador)

All Flowers In Time Bend Towards The Sun

O meu outfit de hoje foi (mais uma vez) bastante simples. Com este calor não me apetece andar com muita coisa em cima de mim, daí não ter nenhum acessório. Um jumpsuit, umas sandálias e uma mochila são a receita ideal para estar confortável e fresquinha.
Decidi fazer um penteado um bocadinho diferente para fugir à rotina, e apesar de ter ficado um bocadinho "às três pancadas", a verdade é que até gostei do resultado.




Jumpsuit - Zara / Bag - Blanco / Sandals - H&M

Wook: Três livros pelo preço de dois



Se tal como eu gostarem de ler, aqui está uma oportunidade que não vão querer perder. No site Wook podem encomendar 3 livros de bolso e pagar apenas 2, desde que o preço destes seja igual.
A meu ver, os livros de bolso são fabulosos por diversos motivos. Além do preço ser mais apelativo e amigo da carteira, as capas são sempre bastante originais e são bastante práticos uma vez que são mais pequenos e mais fáceis de transportar para todo o lado. O único inconveniente (não para mim, mas para algumas pessoas) é o facto de os livros não serem de capa dura.

Se derem uma espreitadela à secção dos livros de bolso no site Wook poderão verificar que a oferta é bastante vasta e interessante. Em cima dei apenas alguns exemplos daqueles que gostaria de adquirir (apenas possuo o "Os Cus de Judas" do António Lobo Antunes).

Para verem os títulos disponíveis basta acederem a este link, no menú superior seleccionarem a opção Livros, depois Livros em Português. Na página é possível ver um slide de imagens. Escolham a imagem número 5 e posteriormente cliquem em saber mais.


In love with... Romwe Shirts

Hoje já que me encontrava na internet, lembrei-me de dar uma espreitadela à loja online Romwe e fiquei imediatamente encantada por um infinidade de coisas. Ando completamente fascinada por camisas e blusas, são incrivelmente versáteis e existem modelos simplesmente amorosos, como e o caso das que apresento em seguida. São todas lindíssimas, mas a do padrão galáxia está a fazer-me cair em tentação!


Deixa Morrer


Este ano ainda não tive férias. Encontro-me a trabalhar na minha terra natal e por isso, enquanto todos os meus amigos saem e se divertem, eu deito-me e acordo cedo. Por isso, quando soube que ia ao último dia do Festival Paredes de Coura fiquei radiante. 
Daí o nome deste post pois adorei o concerto dos Ornatos Violeta. Foi indubitavelmente um regresso em grande. E uma das que mais me marcou durante o mesmo foi a canção Deixa Morrer. Aproveitei e ainda passei mais uns dias em Viana do Castelo, o que foi magnífico. 

Befunky: Edição de Fotos Online

Uma vez que tenho recebido inúmeras dúvidas / questões relativas ao mundo da blogosfera decidi dedicar algum tempo a pequenas sugestões e tutoriais aqui no blog.

Tendo em conta que muitas das questões que me têm colocado estão relacionadas com a edição de fotografias achei que este seria um bom tema para começar. Na grande maioria das vezes utilizo o photoshop mas sei que muitas pessoas não se encontram muito familiarizadas com este programa. 
Por essa razão é que hoje irei falar do Befunky, um editor online de fotografias que oferece inúmeras funcionalidades e é, sem dúvida alguma, uma excelente alternativa para quem quer editar fotos sem grandes complicações.
Além das ferramentas base - cortar, redimensionar, contraste, exposição... - o Befunky possui inúmeros efeitos, desde o Pop Art aos belíssimos tons Vintage e Retro.











Este é um site super simples. Basta aceder ao site, clicar em GET STARTED, fazer o upload da imagem que pretendem modificar e explorar as inúmeras funcionalidades e efeitos. Depois é só guardar no vosso computador ou publicar a imagem directamente nas redes sociais.

Além disso existe também uma aplicação do Befunky para iPhone e Android, bastante semelhante ao famoso Instagram mas com uma variedade muito mais vasta de filtros e efeitos.

Gostariam de ver um tutorial em particular ou simplesmente tirar alguma dúvida? 
Se sim, coloquem as vossas questões aqui:

  www.formspring.me/comesalsa

e não se esqueçam de seguir o Bacafuzadas no Facebook

NEW IN MY CLOSET: AUGUST



1. Blanco Top / 2. H&M Skirt / 3. Stradivarius Denim Jacket / 4. Blanco Bikini

Meet You in the Middle


Chapéu / Hat - Primark; Blusa / Blouse - Primark; Calções / Shorts - Pull&Bear


Quando for grande quero ser...pequena outra vez!



Isto de ter 22 anos até que não é mau de todo mas às vezes penso "Ai, como era bom ser criança". Felizmente tive uma infância feliz, repleta de cassetes com os filmes da Disney, jogos de tabuleiro e tombos de bicicleta. Não me posso queixar, e por isso mesmo é que às vezes penso na estupidez que é querermos crescer a todo o custo. Primeiro queremos chegar aos 16 anos, e quando os alcançamos só pensamos nos 18. E aqui começa o reboliço. Não que não tenha gostado dos meus 18, muito pelo contrário, mas quer tenhamos ou não mentalidade e maturidade adequadas, tornamo-nos adultos, quer queiramos quer não.
No início parece tudo muito bonito, mas depois surgem pequenas coisas que gostamos e outras que nos assustam um bocadinho. 
A responsabilidade é uma delas. Não que não o tenha sido durante toda a minha vida, mas quando somos adultos temos a necessidade - ou obrigação - de nos virarmos sozinhos. Muitas vezes somos lançados aos lobos. Notei tudo isto quando fui estudar para fora completamente sozinha. Uma cidade nova, pessoas novas, família e amigos longe e toda a burocracia que isto envolveu, desde cuidar da casa, cozinhar, tratar da papelada, pagar as contas e ainda ter de ter tempo para estudar.
Claro que tudo isto me tornou bastante independente mas foi uma mudança e tanto. Começamos a dar mais valor ao desempenho dos nossos pais, a fazer contas à vida, enfim... toda uma data de coisas que as reviravoltas da vida nos ensinam.
E depois vem o emprego... Tive a sorte de conseguir um estágio profissional e não poderia estar mais radiante. Mas isto de acordar todos os dias às 8 da manhã, entrar às nove e sair às 17h30 tem muito que se lhe diga. E ao olhar para esta "rotina quotidiana" percebo o quanto a minha vida mudou - e ainda vai mudar. E depois penso no quão bom era ser criança, porque apesar de não parecer éramos bem mais livres nessa altura do que em qualquer outra. 

Powered by Blogger.