Social icons

7.22.2009

Quero um homem


É verdade, quero mesmo!
Mas quero um a sério, e não daqueles que só possuem garganta e pouco mais, que nos prometem mundos e fundos, nos dizem coisas bonitas e depois nos dão um pontapé no rabo.
Quero um homem que seja carinhoso com moderação, porque odeio os típicos 'amor...fofinha...docinho...' ou outras barbaridades do género. Há tantos termos giros prontos a ser utilizados, e outros tantos escondidos e ansiosos por serem descobertos. Há falta de melhor, digam as paroladas banais em inglês, sem querer menosprezar a nossa adorada língua; mas a verdade é que "darling, honey e sweet" para os falantes da língua inglesa são também termos bem parolos, e de certeza que "amor, fofinha e docinho" são considerados super sexy (:

Quero um homem que me faça rir com o seu humor inteligente, porque de secas e saloiadas está o mundo cheio. E por falar em saloiadas, só eu é que estou extremamente rodeada por seres de meias brancas, camisolas dos clubes mais estranhos e brincos à Cristiano Ronaldo? Credo!

Não quero andar de mãos dadas e na marmelada a toda a hora, não quero estar sempre a mandar sms, só se os assuntos forem estúpidos, diversos e engraçados. Não quero um cão de guarda, um segurança e muito menos um segundo pai; não quero presentes caros, e muito menos dá-los; quero falar de coisas interessantes, partilhar músicas e afins, festivais de verão, concertos, exposições, borgas; quero poder tirar-lhe fotografias à vontade; quero uma relação descontraída e saudável; não quero de todo uma relação à base de cola.

Ele tem de ter pinta, não ser banal; pode ser loiro, moreno, ruivo, alto ou baixo, com olhos azuis, castanhos ou verdes, ou um de cada cor. Ser alternativo, metaleiro ou nerd, gostar de chocapics ou ser alérgico a eles, ouvir MGMT, Mastodon ou Kate Perry, sei lá. O que quero mesmo é alguém que me entenda e me faça sentir bem.
Um amigo, é isso; um amigo mais que amigo!
Já estou a pedir demais, a sonhar demais, a desejar o que não existe! -.- '

ps- esqueci-me do ingrediente principal: que seja SINCERO, por deus...

2 comments

  1. lamento colocar-te as aspirações por terra, mas tal e qual como o descreveste, ou já morreu, ou ainda está para nascer.
    vou desistir. viramos lesbians?
    hmm não. são bons demais, right?

    ReplyDelete
  2. começo a acreditar que és mesmo parecida comigo xD

    ReplyDelete

Powered by Blogger.