Nunca quis ser veterinária, ao contrário do meu irmão-peste Rodrigo, porque após uma gata parva da minha avó me ter arranhado um olho, fiquei com imenso medo a animais.
Mas não consigo resistir a estas fofuras, e apesar de o medo ainda estar presente, a verdade é que o Marujo, a Julieta e o gato cujo nome desconheço, mas que amavelmente a Larinha apelidou de Teto, são irresistíveis.
Olhem só para o Marujo. Até sorri para as fotografias :)